• Mantenha atualizado o cadastro dos moradores, placas de carros e prestadores de serviços como diaristas. Isso evita que a entrada de estranhos seja liberada, pois o cadastro está desatualizado.

 

  • Importante ter um sistema de segurança eletrônica e monitoramento 24 horas, mas é importante contratar uma empresa de segurança idônea que tenha boas referências no mercado, pedir o detalhamento de todos os equipamentos em contrato, bem como a sua utilização, reparos e seguro contra acidentes.

 

  • A sala onde fica os equipamentos de gravação das câmeras de segurança deve ser trancada, e os funcionários não devem ter acesso a ela, pois na maioria dos casos de assalto a condomínios os ladrões obrigam os porteiros ou zelador entregar o equipamento.

 

  • A guarita deve fornecer visibilidade total das principais entradas, o local deve ser confortável para se trabalhar, arejado e ter vidros escuros que não possibilitem a visão de fora para dentro da guarita, a boa iluminação das entradas facilita o trabalho de identificação pelos controladores de acesso;

 

  • Em caso de obras pelo condomínio ou contratados por condôminos, deve sempre solicitar que a empresa identifique os funcionários que serão alocados com crachás.

 

  • Atenção para autorizar a entrada dos prestadores de serviços, como manutenção de telefonia, TV a cabo, entregador de encomendas e a outros, pois são utilizados esses serviços como disfarces para ladrões realizar roubo e furto em condomínios. A portaria deve sempre ter um documento disponibilizado pelo morador informando a visita desses terceiros, caso a portaria tenho suspeita deve se ligar na empresa confirmando o serviço.

 

  • O uso de clausuras é comum em condomínios, um portão só é aberto quando o anterior estiver fechado, isso tanto para entrada e saída de pessoas como de automóveis. No entanto, o erro mais comum é os dois portões serem abertos ao mesmo tempo, moradores que não querem que seus visitantes esperem pela liberação da entrada, porteiros que deixam entregadores esperarem pelos moradores dentro das clausuras. E para o caso de pequenas encomendas, aconselha-se o uso de um passa-volumes.

 

  • Estabelecer e alterar com frequência os horários das rondas pelo condomínio, isso evita que os ladrões descubram os horários das rondas.

 

  • O uso de cercas elétricas para garantir a proteção perimetral é indicada para proteger condomínios de invasões, e deve estar interligada com um sistema de segurança eletrônica para maior eficácia e controle.

 

  • No caso de terceirização de serviços como portaria, limpeza, manutenção e segurança é importante checar se a empresa faz uma seleção rigorosa de seus funcionários com pesquisa de referências e antecedentes criminais.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *